URGENTE

Post Top Ad

Your Ad Spot

19 junho, 2008

Futebolando - A Matemática de Dunga

Futebolando Com o empate em 0 a 0 com a Argentina, na noite de ontem, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, a seleção brasileira - conhecida no mundo inteiro por seu futebol-espetáculo, repleto de grandes craques e jogadas maravilhosas - completou nada menos que 298 minutos sem marcar um gol.

Tudo bem que todos sabemos que o futebol é cada dia mais equilibrado, e que nem sempre é possível dar espetáculo. Mas é certo também que, ao menos na América do Sul, com raras exceções, o Brasil DEVERIA mostrar-se superior, e não depender da cruel "matemática do futebol". A mesma que, no ano passado, levou o Corinthians à Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro.

Depois da vitória suada por 3 a 2 contra o Canadá, no dia 1º de junho, o Brasil sofreu duas derrotas seguidas para Venezuela e Paraguai, ambas por 2 a 0, e empatou sem gols contra a Argentina. Pare e reflita. Se Dunga, nosso eterno "volante de raça" e agora técnico da seleção, não conseguiu ao menos imprimir seu estilo defensivo ao time brasileiro, conseguiria ele fazer nossos craques jogarem do meio-de-campo para frente?

Nunca duvidei da capacidade e competência de Dunga, mas quem gosta e curte futebol sabe que o futuro de uma equipe é definida por seus resultados. E não adianta dizer que é preciso "dar tempo" ao novo técnico. Tempo é algo cada vez mais escasso na campanha brasileira rumo à Copa de 2010.

P.S.: A Bolívia - pasmem - lanterninha das Eliminatórias, goleou o Paraguai por 4 a 2, ontem à noite, jogando em La Paz. 

Nenhum comentário:

Páginas