URGENTE

Post Top Ad

Your Ad Spot

15 abril, 2008

Atacando de Sommelier

 Angheben e Josi (Blog)

Na noite de ontem, a sommelière Josi Pieri reuniu alguns colegas da imprensa na casa da amiga e também colunista Tânia D'Ávila para apresentar algumas novidades do mundo dos vinhos. No total, foram cinco bebidas diferenciadas, para todos os gostos, e altamente recomendáveis.

A noite foi aberta com um Espumante Rosé Pinot Noir - Estrelas do Brasil, de belíssima cor, refrescante e de acidez equilibrada, que não agride o paladar. A bebida é elaborada pelo enólogo uruguaio (que mora em Caxias do Sul) Alejandro Cardozo, que trouxe de Portugal o método de leveduras encapsuladas para o Brasil. Vale lembrar que o espumante é representado por Josi em nossa região.

Em seguida, experimentamos o Pacífico Sur - Safra 2005. Elaborado no Vale do Curicó (Chile), é formado pela mistura entre 60% de Carmenère e 40% de Cabernet Sauvignon. Vinho de cor púrpura intensa, com aromas de ameixa e especiarias. Este vinho ganhou a Grande Medalha de Ouro no concurso Cata d'Or Grand Hyatt, em Santiago (concurso de vinhos mais importante do Chile).

A terceira "atração" foi o surpreendente Angheben - Safra 2005, da Vinícola Boutique Angheben. O enólogo Eduardo Angheben (foto acima, com Josi) e seu pai, Idalêncio Angheben, professor de viticultura no Centro Federal de Educação Tecnológica em Bento Gonçalves, são pioneiros na elaboração do vinho varietal Teroldego (cepa que veio da província de Trento, na Itália).

Vinho de guarda elaborado com técnica e capricho, de cor violácea muito intensa, bem estruturado, revela notas de frutas vermelhas, chocolate e baunilha, sabor adquirido depois que 50% do vinho descansa em carvalho por aproximadamente seis meses.

O quarto vinho da noite foi o agradabilíssimo português Fontanário dos Pegões - Safra 2001, da vinícola Adega dos Pegões, 100% Castelão (a uva mais típica de Setúbal). Vinho de corpo médio, é bastante elegante e macio.

Para encerrar, após uma carne especialmente preparada por Tânia, foi a vez da sobremesa, acompanhada pelo húngaro Tokaji Oremus - Safra 2004, com 100% de uva Furmint e elaborado pela renomado produtor espanhol Vega Sicília.

As uvas da região são  privilegiadas, pois são atacadas por um fungo denominado Botrytis Cinerea, causador da "podridão nobre" nos frutos. Como consequência, ocorre maior concentração de açúcar nas bagas. Vinho de sobremesa de aromas intensos, traz toques cítricos e herbáceos.

Quer saber mais? Precisa de algumas dicas? A sommelière Josi Pieri pode ser encontrada no telefone (19) 3875-9088. Aproveite e faça seu pedido !!!

Nenhum comentário:

Páginas