Estreias do Cinema 23/10 a 29/10

Aldo Raine e um grande amigo (Crédito: Divulgação) Duas ótimas estreias nos Cinemas Multiplex Topázio. A primeira é o glorioso Bastardos Inglórios (Inglourious Basterds, 2009), de Quentin Tarantino. A segunda é a aventura Gamer (Gamer, 2009), dos diretores Mark Neveldine e Brian Taylor, responsáveis pelos insanos Adrenalina 1 e 2. Uma terceira novidade está confirmada e você pode conferir no próximo post.

Bastardos Inglórios é a mais nova “homenagem” de Tarantino ao tema que permeia sua carreira: a vingança. Quem não se lembra da saga da Noiva contra o temível Bill? Pois bem, Click Indaiá Online conferiu o filme em uma sala de Belo Horizonte (MG) na semana passada, e pode adiantar com exclusividade: trata-se de um dos melhores filmes da carreira de Quentin. Muitos podem preferir o sanguinolento Kill Bill. Mas Bastardos Inglórios é único, ao misturar cinema noir de qualidade, um roteiro repleto de frases e diálogos memoráveis e algumas raras, mas impactantes cenas de ação.

Em uma realidade alternativa, fruto da mente insana de Tarantino, somos transferidos aos primeiros anos da ocupação alemã na França, onde Shosanna Dreyfus (a bela Mélanie Laurent) testemunha a execução da sua família pelas mãos do coronel nazista Hans Landa (Christoph Waltz, soberbo), conhecido como “O Caçador de Judeus”. Ao escapa da chacina, ela foge para Paris, muda de nome e assume a identidade de uma dona de um pequeno cinema (é claro!).

Christoph Waltz encara o 'Caçador de Judeus' (Crédito: Divulgação) Do outro lado, o tenente Aldo Raine (Brad Pitt, fenomenal) organiza um grupo de soldados judeus americanos com sede de sangue e justiça. Em busca de vingança, o grupo conta com diversos “especialistas” na arte de eliminar o inimigo e apenas um objetivo: colecionar escalpos para “presentear” Raine. Junto com a atriz alemã e agente dupla Bridget von Hammersmark (Diane Kruger), os soldados bolam um plano para eliminar Hitler e o destino os colocam juntos no mesmo cinema, exatamente onde Shosanna espera concluir seu plano de vingança.

Com diálogos afiados e personagens (e atores) inspirados, Bastardos Inglórios pode decepcionar os fãs do sanguinolento e movimentado Kill Bill, mas com certeza irá alegrar quem se lembra de Pulp Fiction. Em seu novo longa-metragem, produzido em tempo recorde, mas escrito ao longo de 10 anos por Tarantino, ele homenageia sua grande paixão, o cinema. As referências a grandes mestres e clássicos diversos estão presentes, em um filme que merece ser apreciado do início ao fim, com olhos bem abertos para cada detalhe. Bastardos Inglórios é uma experiência cinematográfica. Confira!

Butler em momento carinhoso com Hall (Crédito: Divulgação)Gamer traz Gerard Butler, que acabou de sair do Topázio com A Verdade Nua e Crua e já está com Código de Conduta engatilhado para novembro. A trama á ambientada em um futuro próximo, no qual um revolucionário videogame online será a mais popular forma de diversão. Semanalmente, milhões de internautas assistem condenados lutando para sobreviver como se fossem personagens virtuais em um jogo insano e brutal.

Kable (Butler), um prisioneiro, se tornará a grande estrela deste jogo. Para o jogador (Michael C. Hall, do seriado Dexter), ele é um mero personagem. Mas para o grupo de resistência, é a peça-chave para a vitória. No meio desta batalha e sob o comando de um adolescente, Kable terá que usar todas suas habilidades para vencer o jogo e derrubar o sistema. Ação descerebrada para quem busca um pouco de entretenimento explosivo.

0 comentários: